O que é o Tsampa?

São bolinhas altamente energéticas feitas a partir de uma mistura de vegetais, cereais, banana e mel

O consumo de apenas 1 bolinha de tsampa corresponde a uma das 3 refeiçoes que normalmente comemos durante o dia, assim ingerindo 3 bolinhas de tsampa durante o dia não é necessário consumir outro alimento porque elas fornecem ao organismo a energia suficiente para todo o dia.

Em tempos normais o tsampa pode ser utilizado como elemento de limpeza do organismo e de descanso dos órgãos digestivos, normalmente tão maltratados com os maus hábitos alimentares que temos. igualmente quando saímos a caminhar ou a acampar que não podemos levar muitas coisas ou não as queremos carregar, estas bolinhas dão-nos o alimento necessário ocupando um mínimo de espaço e de peso mas dando nos ao contrário toda a energia necessária para uma boa alimentação

 

 

Em tempos difíceis, o tsampa se for preparado e armazenado com antecedência pode ser de muita utilidade perante por exemplo casos de escassez de alimentos ou contaminação dos mesmos

 

ELABORAÇÃO D0 TSAMPA  

INGREDIENTES:

1. Feijões

2 .Grãos

3. Lentilhas

4. Milho seco

5. Amendoim

6. Mel pura

7.Banana verde

8. Soja em grão

9.Trigo seco

 

 

A quantidade é determinada pelo numero de pessoas que farão parte da preparação do mesmo e sua posterior repartição. Como exemplo temos: 5kg de tsampa dão cerca de 1.700 bolinhas

Para obter 1kg de banana há que pelar 5kg

É utilizada na proporção de 1 para 3, no entanto na altura da preparação devemos deixar levar pelo senso comum e ir acrescentando a mel lentamente. As bolinhas não devem ficar nem demasiado secas porque se podem partir de seguida mas também não demasiado “moles” porque demorariam muito tempo a secar podendo deformar no momento em que fossem guardadas/armazenadas.

 

 

É necessário tostar todos os ingredientes por separado porque cada um tem uma determinada temperatura para tostar

A banana tem de ser 1º cortada em bocados como se fossem talhadas para depois ir a secar de preferência ao sol ou em ultimo caso ao forno do fogão

 

È necessário moer os ingredientes separados uns dos outros porque cada um tem o seu grau de dureza ( o milho é o mais duro de moer) utilizando um moinho manual tipo corona?????.recomenda-se não utilizar moinhos elétricos de nenhum tipo porque se priva os ingredientes do corpo elétrico ou corpo energético que também os vegetais possuem e que sem duvida constitui o elemento nutritivo principal para os humanos

 

Mistura

Depois de ter a banana e todos os grãos moídos misturam-se as farinhas todas utilizando 1 ou mais recipientes , que não devem ser de metal mas sim de barro ou vidro. Deve-se fazer uma mistura o mais uniforme possível

 

Depois de todas bem misturadas as farinhas é a altura de lhes misturar o mel, deve-se ir pondo aos poucos para controlar o grau de dureza da massa. Vai-se amassando manualmente e misturando bem até se obter a consistência desejada

Depois de se ter a massa pronta, bem misturada, no ponto, nem seca nem mole, fazem-se manualmente pequenas bolinhas aproximadamente do tamanho de uma bola de golf o de ping- pong

 

Secagem

Depois de se fazerem as bolinhas é conveniente deixá-las secar num sitio adequado e se possível á sombra tendo o cuidado de as cobrir com um pano para que os insetos não lhes toquem (especialmente moscas que podem depor os seus ovos)

Uma boa secagem obtém - se quando as bolinhas de tsampa atinjam uma consistência nem muito dura nem muito mole mas tenham um certo grau de maleabilidade sem serem demasiado pegajosas

E resta desejar

Bom apetite!

 

 

 

CONSERVAÇÃO


Depois de uma boa secagem passamos a conservação. Recomendamos armazenar bolas tsampa em vidro, de boca larga melhor, também para garantir a conservação bem natural, permitir o acesso fácil ao removê-los. Deve ser selada de modo a que não haja deterioração das bolas quando exposta ao ar.
Um Tsampa bem preparado que tenha uma boa secagem, longe de mosquitos e insetos e tenha sido bem armazenado, mantem se perfeitamente comestível por um período de pelo menos quatro anos, o que já foi extensivamente testados.


CONSUMO


Uma vez que, como já mencionado, o conteúdo de energia de cada esfera é equivalente a uma refeição, não se deve exceder esta dose.
É aconselhável muita ingestão de líquidos quando consumir este alimento, de preferência quente, pois a sua digestão é pesado. Tome-o com chá, ou mesmo dissolvido que é uma escolha muito boa.

RECOMENDAÇÕES


A experiência adquirida em preparações anteriores de tsampa nos dá para fazer as seguintes sugestões:
Se o Tsampa for preparados por um número de pessoas, é aconselhável para encurtar e facilitar o desenvolvimento, espalhar igualmente entre os membros do grupo a compra dos ingredientes e torra-los, o que pode fazer cada um em sua casa.
No dia agendado, para ter todos os ingredientes prontos, eles podem reunir-se em um local escolhido, primeiro fazer a moagem dos ingredientes e misturar a farinha, após fusão com mel e, finalmente, fazer Tsampa de bolas.

Todas as crianças (filhos, sobrinhos, netos ou simples amiguinhos dos membros da banda) são sempre bem-vindos em todas as fases do desenvolvimento do Tsampa, especialmente na moagem de grãos.
É também aconselhável para todas as pessoas envolvidas no fim que na distribuição das bolas estejam presentes e diretamente envolvidos em cada estádio da sua preparação, especialmente no processo de misturar a massa com mel, e Durante este processo, será importante transportar para o pacote, a energia de todos e cada um dos componentes do grupo. Assim, a dinamização da Tsampa é muito maior e tem mais benefícios quando consumidos.

LEMBRE-SE


Este alimento contém todos os nutrientes necessários para alimentar as pessoas.
Dura armazenado até sete anos.
Não é permitido vendê-lo.

BOM APETITE!